Estudantes da UAN visitam barragem de Lauca


Os estudantes da Universidade Agostinho Neto (UAN) visitaram, no dia 28  de Abril de 2017 a barragem de Luaca. A vista de estudo e constatação inseriu-se no programa dos estudantes da UAN “ Roteiro da Paz”.

Os estudantes tiveram a possibilidade  de constatar  uma das maiores Obras de Engenharia do País, fundamental para o desenvolvimento socio-económico da nação angolana.

No final da visita, o grupo de estudantes das nove (9) Unidades Orgânicas da UAN, mostraram-se satisfeitos com o grande Projecto Energético e manifestaram o compromisso de honra e dedicação aos estudos, e
tudo fazer em prol do Progresso Social e Desenvolvimento sustentável de Angola.

Lauca é a segunda maior barragem em construção no Continente Africano, depois da grande represa do renascimento etíope, com custos estimados em 6,4 mil milhões de dólares norte americanos e uma capacidade geracional de energia de seis mil MW.
O projecto de construção de barragens no leito médio do rio Kwanza surgiu a partir de um inventário realizado na década de 1950, solicitado pela então empresa pública sociedade nacional de estudo e financiamento de empreendimentos ultramarinos (sonefe) a empresa Hydrotechnic Corporation (USA), retomados em 2008, com a realização de estudos de viabilidade solicitado pelo Executivo Angolano.
A entrada em funcionamento da central principal de Lauca, com seis grupos geradores de cada 334 MW, a partir de Julho, e da central ecológica com 67 MW, em 2018,  permitirá beneficiar mais de oito milhões de pessoas e os pólos industriais em construção nas regiões norte, centro e sul do país.